Frota de vagões cresce 1,8% no Brasil

A frota de vagões no Brasil aumentou 1,8% no primeiro bimestre deste ano em relação ao mesmo período do ano passado, passando de 93.040 para 94.710 unidades.rn

rnO tipo Hopper foi o que mais cresceu comparando com 2009 (cerca de 6%). Já o tipo Tanque registrou uma queda de 1,5% na frota própria das operadoras.rn

rnA FCA se destacou entre as concessionárias com um aumento de 4,3% na frota própria. Em seguida está a ALL ? considerando Malha Sul, Novoeste, Ferroban e Ferronorte — com um aumento de 1,8%, possuindo a maior frota própria entre as operadoras (26.686). A Ferroeste, que possui a menor frota entre as operadoras (60 vagões), informa que, a partir de agosto, pretende adquirir 500 novos vagões graneleiros fechados em parceria com seus clientes.rn

rnFace à retomada do crescimento do setor ferroviário, a Abifer projeta crescimento do faturamento no setor da ordem de 25% em relação a 2009. Estamos muito otimistasrnpara 2010. No setor de carga, a previsão é de dois mil a 2,5 mil novos vagões. Os pedidos já em carteira apontam para 2,5 mil. Isso significa que a produção de vagões deverá mais que dobrar em relação ao que foi feito no ano passado”, frisa o presidente da Abifer, Vicente Abate.rn

rnConfira o levantamento da frota de vagões na próxima edição da Revista Ferroviária.rnrn”

Compartilhe nas Redes Sociais:

©2019 | AmstedMaxion Criando Caminhos | Todos os direitos reservados